título

ANPG e BP financiam estágio para finalistas universitários

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG) e a petrolífera BP estão a financiar um programa de estágio profissional que prevê beneficiar 95 pré-finalistas e finalistas universitários orçado em USD 371 mil.

Segundo uma nota a que a Angop teve acesso, o projecto é implementado pela ONG Development Workshop e destina-se a estudantes universitários das províncias de Luanda, Zaire, Uíge, Benguela, Cuanza Norte e Huambo.

 

O financiamento do projecto enquadra-se nos investimentos de responsabilidade social previstos pela Lei Geral das Actividades Petrolíferas, que estabelece que uma parte dos Bónus pagos ao Estado, resultante dos contratos celebrados, deve ser aplicada em iniciativas de desenvolvimento regional e local.

 

De acordo com a nota, o programa de estágio profissional e comunitário visa dar oportunidades a jovens angolanos, formados em diferentes universidades públicas e privadas, no sentido de reforçarem as suas competências técnicas e profissionais.

 

A iniciativa pretende criar habilidades e oportunidades técnicas para impulsionar o acesso ao primeiro emprego no mercado de trabalho local.

 

A edição de 2020 vai beneficiar directamente 95 pré-finalistas e finalistas dos cursos de Medicina, Engenharia Informática, Telecomunicações, Engenharias Agrónoma e Ambiental, Direito, Economia, Gestão de Empresas, Sociologia e de Assistentes Sociais, refere a nota.

 

De acordo com a mesma fonte, os interessados deverão inscrever-se via online no site da ONG executora do programa, de 27 a 31 de Janeiro, através do link https://www.dw.angonet.org/content/esta-gioprofissional-e-comunita-rio.

 

Fruto da parceria iniciada em 2011 entre a DW e a BP, o programa de estágio profissional e comunitário já beneficiou mais de três mil estudantes.

 

A estratégia de investimento social e comunitário da BP assenta nas áreas de educação, desenvolvimento empresarial e capacitação para saúde, segurança ocupacional e ambiente.

 

SAPO/Angop

30/01/2020