título

Fundação portuguesa prepara estágios científicos para os PALOP

A portuguesa Fundação Calouste Kulbenkian tem em agenda a realização de estágios científicos avançados em Matemática, destinados a docentes e investigadores do ensino superior dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP).

Para o efeito, está aberto um concurso para atribuição de bolsas para estágios científicos avançados de curta duração (três ou quatro meses) para docentes e investigadores do ensino superior, nacionais e residentes em Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe.

Os estágios científicos avançados serão realizados em instituições de ensino superior e centros de investigação em Portugal, com o objetivo de iniciar ou consolidar a actividade de investigação desses docentes na área da Matemática.

A iniciar até quatro meses após o anúncio dos resultados (previsto para final de Maio de 2019), os estágios deverão ser selecionados com base nas opções apresentadas no documento “Propostas de Estágios”. Informações sobre a assunto podem ser encontradas em matematicapalop@gulbenkian.pt

A mesma fundação tem em agenda a atribuição de bolsas de pós-graduação para estudantes dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e de Timor-Leste.

A atribuição destas bolsas pretende estimular a investigação e a valorização dos recursos humanos a nacionais daqueles países, que exerçam a sua atividade e que pretendam prosseguir e atualizar os seus conhecimentos.

Os bolseiros serão selecionados através de concurso e a seleção dos candidatos é realizada com base em pareceres de consultores externos. A decisão tomada não é suscetível de recurso.

O concurso termina impreterivelmente no dia 30 de Abril de 2019, às 18:00 (hora de Lisboa).


Angop|27.03.2019